Em ringo starr:

Cinco minutos que valem mil filmes. Veja uma prévia de “Get Back”, dos Beatles, com um clipe de… “Get Back”

>>

Captura de Tela 2020-12-21 às 9.18.59 AM

* Aguardadíssimo documentário dos Beatles que devia ter estreado em setembro deste ano ruim e por conta de toda a ruindade da Covid-19 foi adiado por um ano, “The Beatles: Get Back” agora só chega em agosto de 2021 trazendo um gigantesco material inédito da maior banda de todos os tempos em seu último anos juntos.

O diretor neozelandês Peter Jackson, responsável pela trilogia de “O Senhor dos Aneis”, está há mais de um ano chafurdado em quase 60 horas de filmagens e o dobro disso de áudios que verteram no famoso documentário “Let It Be”, de 1970, sobre o making of 12º e último álbum dos Beatles antes de seu fim.

Captura de Tela 2020-12-21 às 9.19.15 AM

A ideia inicial, antes até de lançar o “Get Back” em setembro de 2020, era ter apresentado o filme no ano anterior, fim de 2019, quando se completaram os 50 anos do “Rooftop Concert”, um dos shows mais falados da história, em que os Beatles se apresentaram de surpresa no topo do prédio da gravadora deles, a Apple, no burburinho do centro de Londres na hora do almoço. Foram 42 minutos de concerto, naquele 30 de janeiro, até a polícia chegar para acabar a festa e dispersar a multidão de pessoas que ganharam de repente a chance de ver o que seria o último show público dos Beatles na história. Nesta menos de uma hora, tinha se juntado gente parando o trânsito, nas janelas e no topo dos prédios vizinhos para ver John, Paul, George e Ringo.

A última música tocada antes de a polícia chegar? “Get Back”.

“Get Back”, o filme, tem o OK de Paul McCartney, Ringo Starr e das viúvas de John Lennon (Yoko Ono, que aparece bastante nas filmagens) e de George Harrison (Olivia).

Por conta dos atrasos no lançamento do documantário e de sua infeliz adiada até o segundo semestre de 2021, o cineasta Peter Jackson, lá de sua casa na Nova Zelândia, liberou um “sneak preview” de cinco minutos do filme. Em meio a cenas rápidas maravilhosas dos boys em estúdio, foi montado um clipezinho deles tocando “Get Back”, recheado de trechos do filme. Maravilhoso.

Veja.

>>

A reunião possível dos Beatles, com Paul e Ringo tocando juntos em Los Angeles

>>

150719_paulringo2

Neste final de semana, Paul McCartney e Ringo Starr promoveram mais uma pequena reunião dos Beatles. O novo encontro, que tem sido cada vez mais frequente, aconteceu na cidade de Los Angeles, em show da Freshen Up Tour, do Paul.

Ringo apareceu na parte final do show e tocou bateria em duas músicas: “Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band (Reprise)” e “Helter Skelter”. Quem também apareceu para uma parceria não programada foi Joe Walsh, do Eagles, que tocou guitarra em “The End”.

Momentos depois, Paul disse que o mais legal da história é que eles não haviam planejado nada para aquela noite e acabou acontecendo.

Os registros podem ser conferidos abaixo.

>>

Com uma pequena ajuda dos amigos Ringo Starr e Ronnie Wood, Paul McCartney junta Beatles e Stones em Londres

>>

Foto: MJ Kim

Foto: MJ Kim

A noite de domingo, 16 de dezembro, foi marcada por um encontro de parte da realeza do rock britânico na linda O2, em Londres. É lá que Paul McCartney, o jovem de 76 anos, fez seu último show neste ano.

O ex-beatle fez um show de três horas, com um setlist formado, como ele diz, “por músicas antigas, novas, e as que existem entre elas”. Divulgando seu novo disco “Egypt Station”, lançado em setembro passado, Paul recebeu dois velhos amigos no palco.

Primeiro, ele chamou o guitarrista Ronnie Wood, dos Rolling Stones. Em seguida, veio o outro beatle vivo, Ringo Starr, para tocar sua bateria levada prontamente para o palco, onde o trio emendou a clássica “Get Back”, para grande euforia dos fãs.

Nunca é demais lembrar que Paul volta ao Brasil no fim de março, quando fará dois shows no Allianz Parque, em São Paulo, e um no Couto Pereira, em Curitiba. Macca agora entra em período de férias e retoma sua agenda justamente na América do Sul, dia 20 de março, em Santiago.

O registro de “Get Back”, em Londres, abaixo.

>>

Meio Beatles. Após sete anos, Ringo Starr e Paul McCartney se reúnem em nova parceria

>>

270717_ringopaul_2

Dupla que fez parte da maior banda de todos os tempos, Ringo Starr e Paul McCartney se reuniram novamente para uma parceria musical após sete anos.

A dobradinha é para “We’re On the Road Again” e faz parte do novo disco solo do ex-baterista do grupo de Liverpool, “Give More Love”, que chega ao mercado dia 15 de setembro.

A faixa tem, ainda, participações especiais de Joe Walsh (Eagles), Steve Lukather (Toto) e Edgar Winter. Peter Frampton e Benmont Tench também estarão no álbum, que tem 10 faixas inéditas.

Give More Love – Tracklist
01. We’re on the Road Again
02. Laughable
03. Show Me the Way
04. Speed of Sound
05. Standing Still
06. King of the Kingdom
07. Electricity
08. So Wrong for So Long
09. Shake It Up
10. Give More Love

>>

Meio Beatles em breve. Paul McCartney grava participação em novo disco do Ringo

>>

210217_macca_ringo_slider

Fãs de Beatles pelo mundo estão em alerta. Ontem, Ringo Starr tornou pública mais uma parceria com Paul McCartney. A dobradinha será conferida no próximo álbum do baterista, que deve sair em algum momento deste ano.

Ringo prepara o sucessor de “Postcards from Paradise”, lançado em 2015. Ele e Paul se reuniram pela primeira vez desde 2014, quando se apresentaram juntos no Grammy.

Em estúdio, o intervalo é maior. Macca participou das gravações do álbum “Y Not”, lançado em 2010, contribuindo com vocais e tocando baixo nas faixas “Peace Dream” e “Walk With You”.


>>