Em safety dance:

Angel Olsen mostra que pode dançar devagarinho o hit “Safety Dance” para seu disco de covers dos anos 80

>>

* A gente já falou (bem) sobre isso, no dia 20 de agosto chega para nós “Aisles”, um EP de covers que a cantora e guitarrista americana Angel Olsen está preparando, cheia de chinfra. O minialbum vai trazer cinco hinos dos anos 80. E ganhará vinil no final de setembro.

angel

Olsen, que já tinha divulgado recentemente a faixa “Gloria”, megahit da cantora e atriz americana Laura Branigan, de 1982, revelou hoje a versão dela para “Safety Dance”, cláááássico tecnopop da época da banda new wave canadense Man without Hats.

A pegada de “Safety Dance” no corpo de Olsen ganhou toques sombrios e desacelerados, transformando o hit dance em outra coisa. Mas com sua beleza própria. Do mesmo modo como ela fez com “Gloria”. Parece que essa vai ser mesmo a marca de seus covers.

Lembrando que, aqui, com esse EP, a ideia de Angel Olsen é recriar músicas que de alguma forma transformaram sua vida musical no seu crescimento e no seu despertar pelo caminho artístico que escolheria para trabalhar, mais tarde. Ela é de 1987, “Safety Dance”, de 1982.

“Eu sei que não está realmente na minha história fazer algo não intencional ou apenas pelo caos, mas minha conexão com essas músicas é bastante direta e eu só queria me divertir um pouco, ser um pouco mais espontânea. Acho que precisava lembrar que poderia”, explicou Olsen.

As outras músicas de “Aisle”, além das que saíram já em single, são “Eyes without a Face”, clássico do Billy Idol de 1983; “If You Leave”, da banda eletrônica inglesa Orchestral Manoeuvres in the Dark, o velho OMD (1986); e a melosa “Forever Young”, estrondoso hit da banda alemã Alphaville de 1984.

Abaixo, a “Safety Dance” de Olsen e, como comparação, a antiga, do Men without Hats.

>>

Angel Olsen vai aos anos 80 e sai de lá cheia de covers incríveis para um novo EP

>>

* A cantora e guitarrista Angel Olsen acabou de anunciar um EP de covers para o próximo mês. “Aisles” traz uma seleção de músicas dos anos 80 revisitadas pela artista.

Para marcar o lançamento, foi divulgada hoje a música “Gloria”, megahit da cantora e atriz americana Laura Branigan, de 1982, que ficou nas paradas da “Billboard” por 36 semanas, atingiu um número 2 à época e foi primeiro na Austrália e Canadá.

O engraçado é que “Gloria”, da Laura Branigan, por si só é uma cover do italiano Umberto Tozzi, que fez a música três anos antes, em 1979.

A ideia de Angel Olsen fazer esta versão vem de uma experiência pessoal, em que a cantora lembra da primeira vez que ouviu a música, num Natal em família, e ela ficou com a visão de suas tias dançando em slow-motion. Assim surgiu a ideia de gravar uma versão mais lenta do clássico oitentista.

A versão “original”, para quem não lembra da música:

Entre os destaques das covers do EP de Olsen, tem ainda “Eyes without a Face”, clássico do Billy Idol de 1983, e “Safety Dance”, maravilhoso sucesso de 1982 da banda canadense Men Without Hats. As outras duas do disco de covers da Olsen são “If You Leave”, da banda eletrônica inglesa Orchestral Manoeuvres in the Dark, o velho OMD (1986), e a melosa “Forever Young”, estrondoso hit da banda alemã Alphaville de 1984.

Só pedrada.

***

* A incrível foto de Angel Olsen que ilustra a chamada da home para este post é de Dana Trippe.

>>