Em savages:

Além de tudo, é chique: Jehnny Beth, do Savages, reúne Primal Scream, IDLES e LIFE em programa de TV

>>

020320_jehnny2

O canal francês de cultura ARTE divulgou em seus espaços digitais neste final de semana o programa ECHOES, apresentado por nada menos que Jehnny Beth, a líder incrível da banda inglesa Savages.

O programa mistura música e bate-papo cabeça sem filtro e reuniu três bandas: Primal Scream, IDLES e o LIFE.

Diz a Jehnny que este era um seu desejo de muitos anos. “Sempre quis reunir músicos e permitir que essas pessoas do nosso meio se interajam. Compartilhar nossos erros, nossas histórias engraçadas, prazeres, arrependimentos. É um reflexo natural durante as conversas entre artistas. Quero trazer para o público o tipo de discussões mais íntimas e inspiradoras que testemunhei tantas vezes”, contou.

O programa foi rodado no clubinho YOYO, em Paris, e pode ser conferido abaixo. Dura uma hora e tem todo mundo tocando.

>>

Jehnny Beth deixa o Savages de lado e anuncia seu primeiro disco solo. Tem o Joe Talbot e a Romy Madley Croft envolvidos

>>

Amiguinha do Damon Albarn e do Noel Gallagher, a carismática e incrível Jehnny Beth, líder do também incrível Savages, deu os detalhes de seu primeiro disco solo.

“To Love Is to Live” será lançado dia 8 de maio e terá participações especialíssimas do ator Cillian Murphy, do intenso Joe Talbot (IDLES), e da cantora e instrumentista Romy Madley Croft, do the xx.

O primeiro cartão de visitas do projeto é o single “Flower”. A produção é assinada pelo trio de peso Atticus Ross, Flood e Johnny Hostile.

** A capa.

JB_PACKSHOT_01_FLAT_200122

>>

Jehnny Beth é o cara em nova música para a trilha sonora da incrível Peaky Blinders

>>

060115_savages2

Uma das cantoras mais legais que apareceram no indie nos últimos tempos, Jehnny Beth, a enérgica vocalista do Savages, gravou uma canção solo para a trilha da incrível série Peaky Blinders.

Com pegada rock industrial que o Nine Inch Nails aprovaria, a canção se chama “I’m the Man” e estará na nova e atualizada versão da trilha.

Diz ela que a canção é uma tentativa de estudo sobre a humanidade. “É muito mais fácil rotular as pessoas que são claramente atormentadas por obsessões como monstros do que discernir o passado humano universal que é visível por trás deles. No entanto, essa música não tem nem uma conexão remota com um estudo sociológico, psicologia coletiva ou política atual. É um trabalho poético em primeiro lugar. Seu objetivo é fazer você se sentir, não pensar”, relatou em comunicado.

“I’m The Man” está cotada para entrar em um possível disco solo da cantora, que também terá um programa de TV chamado ECHOES, previsto para ir ao ar no final do ano.

>>

O Gorillaz, ao vivo, é ainda melhor do que em estúdio. Uma session, a Jehnny Beth e o Noel Gallagher confirmam

>>

020517_gorillaz2

Em ritmo de divulgação de seu novo disco, “Humanz”, lançado semana passada, o Gorillaz começa a aparecer em programas de TV e rádio por aí.

A mais recente parada da trupe liderada por Damon Albarn foi para uma session na WFUV, tradicional rádio do circuito indie americano, localizada na cidade de Nova York.

Por lá, Damon e sua turma mostraram duas canções desse disco novo: “Stroblite” e “Sex Murder Party”, com participações de Peven Everett e Jamie Principle.

* Dia desses, em seu show de retorno aos palcos, o Gorillaz recebeu convidados especiais em Londres e contou com Jehnny Beth (Savages) e Noel Gallagher na reedição ao vivo de “We Got The Power”, que conta com a dupla na gravação original. Saiu agora um vídeo com qualidade profissional que é bem delícia, também.

>>

Melhores de 2016: os vários Top 10 de discos internacionais da POPLOAD

>>

melhores2016_internacional

* A turma da Popload, em sua pluralidade, solta agora sua lista de melhores do ano. E, como seeeeeeeeempre, é aquela coisa: falando sobre a minha lista particular myself própria, já estou arrependido um pouco. Deixei muita coisa de fora. Outras eu começo a me tocar que existiram e foram importantes assim que eu dei o “enter”. Outras ainda que simplesmente mudei de ideia. Sou daqueles capaz de pegar o primeiro lugar e botar em oitavo. E o segundo tirar da lista. Mas aí a nóia é minha. E o que está aqui foi o que saiu.

Achamos que hoje em dia é delicado falar “Melhores Discos”. Na verdade são “Discos Preferidos”. Ou “Discos Que Contêm Mais Músicas Legais”. Nesse “novo” jeito de ouvir um álbum dos últimos tempos, o conceito de “Melhores Discos” ficou diferente.

Whatever! Eis então as listas dos Melhores Discos de 2016 para quem, cada um a seu modo, faz a Popload. É tudo tão diverso, que não dá para pinçar qual seria o “Disco de 2016”. Para dar uma ideia do que é a Popload hoje e do que foi o ano em lançamentos de álbuns.

No caso desta, a lista dos discos internacionais. Amanhã, com galera selecionada, sai a lista dos nacionais.

* Top 10 – Lúcio Ribeiro

Captura de Tela 2016-12-22 às 8.09.48 PM

1. Slaves – “Take Control”
2. Underworld – “Barbara Barbara, We Face a Shining Future”
3. Parquet Courts – “Human Performance”
4. Frank Ocean – “Blonde”
5. Metronomy – “Summer 08”
6. Skepta – “Konnichiwa”
7. Fat White Family – “Songs for Our Mother”
8. Radiohead – “A Moon Shaped Pool”
9. Chance the Rapper – “Coloring Book”
10. Iggy Pop – “Post Pop Depression”

**

* Top 10 – Alisson Guimarães

Captura de Tela 2016-12-22 às 8.17.18 PM

1. Iggy Pop – “Post Pop Depression”
2. Thee Oh Sees – “A Weird Exits”
3. Underworld – “Barbara Barbara, We Face a Shining Future”
4. Solange – “A Seat at the Table”
5. DIIV – “Is the Is Are”
6. A Tribe Called Quest – “We Got It from Here… Thank You 4 Your Service”
7. Neil Young – “Peace Trail”
8. The Avalanches – “Wildflower”
9. David Bowie – “Blackstar”
10. Parquet Courts – “Human Performance”

**

* Top 10 – Ana Carolina Monteiro

Captura de Tela 2016-12-22 às 8.22.00 PM

1. Michael Kiwanuka – “Love & Hate”
2. Whitney – “Light upon the Lake”
3. Leonard Cohen – “You Want It Darker”
4. Wilco – “Schmilco”
5. Parquet Courts – “Human Performance”
6. Radiohead – “A Moon Shaped Pool”
7. David Bowie – “Blackstar”
8. Car Seat Headrest – “Teens of Denial”
9. Savages – “Adore Life”
10. Warpaint – “Heads Up”

**

* Top 10 – Tallita Alves

Captura de Tela 2016-12-22 às 8.25.14 PM

1. David Bowie – “Black Star”
2. Blood Orange – “Freetown Sound”
3. Moderat – “III”
4. Solange – “A Seat at the Table”
5. Rihanna – “Anti”
6. Soft Hair – “Soft Hair”
7. Frank Ocean – “Blonde”
8. Whitney – “Light upon the Lake”
9. Lady Gaga – “Joanne”
10. Kaytranada – “99.9%”

**

* Top 10 – Alexandre Gliv Zampieri

gliv

1. Metallica – “Hardwired… To Self Destruct”
2. Korn – “The Serenity of Suffering”
3. Rob Zombie – “The Electric Warlock Acid Witch Satanic Orgy Celebration Dispenser”
4. Asylums – “Killer Brain Waves”
5. Biffy Clyro – “Ellipsis”
6. Alexisonfire – “Live at Copps”
7. Slaves – “Take Control”
8. Blossoms – “Blossoms”
9. Weezer – “Weezer (The White Album)”
10. Catfish and the Bottlemen – “The Ride”

**

* Top 10 – Isadora Almeida

isa

1. Koi Child – “Koi Child”
2. Anderson .Paak – “Malibu”
3. Whitney – “Light upon the Lake”
4. Sunflower Bean – “Human Ceremony”
5. Roosevelt – “Roosevelt”
6. The Last Shadow Puppets – “Everything That You’ve Come to Expect”
7. Skepta – “Konnichiwa”
8. Billie Marten – “Writing of Blues and Yellows”
9. Catfish and the Bottlemen – “The Ride”
10. The 1975 – “I Like It When You Sleep, For You Are So Beautiful Yet So Unaware of It”

**

* Top 10 – Fernando Scoczynski Filho

Captura de Tela 2016-12-22 às 8.25.14 PM

1. David Bowie – “Blackstar”
2. Radiohead – “A Moon Shaped Pool”
3. Savages – “Adore Life”
4. The Kills – “Ash & Ice”
5. Autolux – “Pussy’s Dead”
6. Iggy Pop – “Post Pop Depression”
7. Garbage – “Strange Little Birds”
8. Deftones – “Gore”
9. The Dillinger Escape Plan – “Dissociation”
10. The Black Queen – “Fever Daydream”

PLAYLIST MELHORES DE 2016