Em Sex Pistols:

POPNOTAS – A primeira imagem de “Pistol”, a série. Amy Winehouse ao vivo. A volta do Islands. O vinil do Tatá Aeroplano. E o Evan Dando maravilhoso na farmácia

>>

* Uma das bandas mais legais da história do indie americano foi a The Lemonheads. Concorda até aqui? Não? O grupo de Boston, liderado pelo galã doidaço Evan Dando, durou uns dez anos, deu uma pequena reinada nos anos 90 e lançou o fundamental “It’s a Shame About Ray”, em 1992, cheio de pérolas doces no meio da porradaria grunge da época. Corta para 2021. Eis que temos um tweet de alguém falando por uma loja em Nova York da gigante rede de farmácias Walgreens, registrando a presença de mr. Evan Dando, DANDO (dsclp) UMA PALHINHA da maravilhosa “Confetti”, no meio das gôndulas de remédios, listerine, perto do caixa, sei lá. Que maravilha!

* “I Told You I Was Trouble: Live in London”, DVD ao vivo da saudooooosa Amy Winehouse, que já tinha ganhado uma edição em vinil, chegou completinho às plataformas de streaming. Vale dar uma sacada, caso não tenha escutado (e visto) ali na época, tipo 2007. É um registro da Amy em seu melhor momento, num show no Shepherd’s Bush Empire, banda afinada, entrega absoluta, ainda um pouco antes de “Back to Black” estourar mundialmente e da coisas começarem a caminhar mal com a superexposição midiática dos seus problemas pessoais. Aliás, lá em 2007, o “Back to Black” e este DVD saíram no mesmo dia. O resto, a partir daí, é história.

* A revista “Rolling Stone” conseguiu a primeira imagem de “Pistol”, a série sobre os Sex Pistols dirigida por Danny Boyle (“Trainspotting”), sobre a qual já falamos aqui semanas atrás. Veja abaixo. A outra novidade é que foi revelado que o ator Thomas Brodie-Sangster, que interpreta Benny Watts em “O Gambito Da Rainha” e fez Paul McCartney em “Nowhere Boy”, será o empresário Malcolm McLaren, enquanto Talulah Riley (“Westworld”) viverá a hoje renomadíssima estilista Vivienne Westwood, dona da loja fashion no bairro do Chelsea, Londres, em que a banda foi formada (forjada)

PISTOL -- A first look image from Danny Boyle and FX’s Pistol.  Left to right: Christian Lees as original bassist Glen Matlock, Anson Boon as singer John Lydon and Toby Wallace as guitarist Steve Jones.  CR: Miya Mizuno/FX

PISTOL — A first look image from Danny Boyle and FX’s Pistol.
Left to right: Christian Lees as original bassist Glen Matlock, Anson Boon as singer John Lydon and Toby Wallace as guitarist Steve Jones. CR: Miya Mizuno/FX

* CENA: “Delírios Líricos”, álbum de Tatá Aeroplano lançado no ano passado, ganhou uma edição em vinil. 180g, chique, como pede o figurino indie. O disco vem com uma música a menos, no caso a versão da canção “Ressurreições”, parceria de Jorge Mautner e Nelson Jacobina, que será lançada futuramente em compacto de 7 polegadas. Mas rola comprar com autógrafo e tudo. Onde achar? No site do Tatá.

* Os canadenses do Islands estão de volta. Após uma certa “aposentadoria” anunciada em 2016, quando a estreia da banda completou dez anos, eles vêm agora com “Islomania”, seu novo disco, o oitavo, marcado para sair no dia 11 de junho. O primeiro single é a dançante “(We Like To) Do It With The Lights On”, com a qual você pode se deliciar aqui embaixo.

>>

Popnotas: Taylor Swift encara Michael Jackson na “Billboard”, Sex Pistols via Danny Boyle, Ariel Pink demitido e um vídeo de dEUS

>>

– A gente comentou por aqui quando a Taylor Swift perdeu seu post de número 1 na lista de álbuns da revista americana “Billboard”, que dita as paradas por lá. Mas ela retomou o posto nesta semana e ainda alcançou uma marca e tanto. Agora Taylor e Michael Jackson têm o mesmo tanto de semanas no posto máximo da lista: 51. A ex-diva-country-pop-hoje-indie precisa daqui para a frente brigar com outros gigantes: The Beatles, 132 semanas, Elvis Presley, 67, e Garth Brooks, 52. Este último parece molezinha. Go, Taylor.

– Promete ser interessante essa “Pistol”, a série dirigida pelo Danny Boyle sobre os Sex Pistols, mais precisamente do ponto de vista de Steve Jones, já que o texto vai ser baseado nas memórias do ex-guitarrista da banda.
“Lonely Boy – Tales from a Sex Pistol”, de 2016, lançada dentro das comemorações de 40 anos do punk, foi considerado à época um dos livros do ano. Na lista de atores, talvez a mais conhecida é Maise Williams, a Ayra de “Game of Thrones”. Ela fará o papel da famosíssima e loucaça Jordan, uma das personagens fascinantes da época que ajudou a moldar o visual do punk. Jordan trabalhou na butique da estilista Vivienne Westwood, a SEX, onde tuuuuuuuuuuuuudo começou.

– Aquele rolê zoado, para dizer o mínimo, que o Ariel Pink deu no Capitólio americano na semana passada trouxe suas devidas consequências para a música indie. A Mexican Summer, sua gravadora atual, resolveu encerrar seus trabalhos com o artista. Ariel Pink devidamente foi cancelado geral.

– O grupo galês Manic Street Preachers deu um sinal de trabalho no Instagram, postando parte do que já desenvolveram no estúdio. Disco novo em breve.

– Você anda chamando tanto Deus que ele apareceu, mas na forma de dEUS, a banda. O canal de TV alemão Rockpalast subiu em seu Youtube nesta semana um show da cultuadíssima banda belga de 2015, no Haldern Pop Festival, que acontece desde 1984 em linda região perto do rio Reno, no lado ocidental da Alemanha. O vídeo tem deliciosa 1 hora e 15 min, com 14 músicas de uma das bandas mais interessantes fora-do-eixo UK-US.

>>

Green Day, Sex Pistols, Guns N’ Roses e Portlandia se misturam para homenagear Johnny Ramone

>>

290818_ramones_22slidr

Já virou tradição. Anualmente, entre os mil eventos que acontecem em Los Angeles, a cidade é palco de um tributo ao guitarrista Johnny Ramone. A edição deste ano aconteceu no último domingo no Hollywood Forever Cemetery e contou com algumas estrelas da cultura pop.

Bille Joe Armstrong (Green Day), Duff McKagan (Guns N’ Roses), Steve Jones (Sex Pistols) e Fred Armisen (estrela da série Portlandia, se juntaram para tocar algumas canções em formato acústico dos Ramones, inesquecíveis.

Entre as faixas, Rockaway Beach” e “Judy Is a Punk”. Sobrou um tempinho para tocar “Pretty Vacant”, dos Pistols, também. Dizem que o Morrissey estava por lá. O evento tem a organização da Linda Ramone.

>>

Que punk! John Lydon leva garrafada na testa, mas continua o show em Santiago

>>

150816_lydon1
Um dos ícones maiores do rock, John Lydon passou por uma situação punk (cof) na noite de ontem, em Santiago, “aqui ao lado”. O inglês estava na cidade com sua banda pós-punk Public Image Limited, mas bem que poderia ser um show dos Sex Pistols.

A apresentação foi em um clubinho, abarrotado, mas com um público pequeno em números. Em certo momento do show, John foi atingido por uma garrafa bem no meio da testa. O vocalista começou a sangrar e teve que interromper a apresentação, enquanto fãs tentavam pegar o agressor.

Com o espírito punk em dia, mesmo aos 60 anos de idade, Lydon enrolou uma toalha na cabeça e avisou: “vamos continuar”.

Abaixo registros do momento em que o cantor tenta conter o sangramento e em seguida cantando a clássica “Public Image”, com a toalha enrolada na cabeça. Também uma foto publicada em seu Twitter, após o show.

>>

Sex Pist… ou melhor, o Slaves lança o vídeo da garota que faz açúcar ter gosto de sal

>>

Screen Shot 2015-07-30 at 10.01.53

* Passando aqui para dizer que o Slaves, a dupla inglesa style “bateria”-guitarra (em que o baterista canta, de pé), grupo que confundiu o Bono na TV e zoou o Arctic Monkeys, além de ter lançado um dos discos mais contundentes do ano, o “forte” “Are You Satisfied?”, soltou um vídeo novo, bem doido, desta vez para “Sockets”, faixa sexpistoniana do disco de estreia deles. É sobre um cara que está com alguns problemas com as tomadas da casa dele. E, aparentemente, com uma garota. Tipo assim:

>>