Em Sonic Youth:

O Sonic Youth vive! Famoso show realizado em Nova York, em 2008, aparece nos canais oficiais da finada banda

>>

070619_sonicyouth2

O seminal e eterno Sonic Youth resolveu alimentar um pouco mais a nostalgia dos fãs e colocou em seus canais oficiais o famoso show do grupo em Nova York, do marcante 4 de julho de 2008, realizado no Battery Park.

O show foi lançamento oficialmente em formato físico em 2009, como um bônus do disco “The Eternal”, que viria a ser o último de estúdio da banda norte-americana, que chegou ao fim em 2011 e fez seu último show ever no Brasil, dentro do festival SWU.

A apresentação agora está toda bonitinha e na íntegra nas principais plataformas de streaming, e contém especialmente canções do clássico “Daydream Nation”. No cardápio, canções imperdíveis e favoritas dos fãs como “Hey Joni”, “World Looks Red” e “She Is Not Alone”.

No total são 10 faixas ao vivo.

>>

Saudades da Kim Gordon? Eterna diva do Sonic Youth mostra novo single do seu Body/Head

>>

050618_bodyhead_slider

A diva indie Kim Gordon está com novidades. Ao lado de Bill Nace, a eterna figura do Sonic Youth vai lançar em breve o segundo álbum do projeto experimental Body/Head, que consiste basicamente em uma barulheira caótica e viajante de duas guitarras.

O novo disco se chama “The Switch” e terá cinco faixas. O lançamento está marcado para 13 de julho. O álbum anterior e de estreia do duo, “Coming Apart”, saiu há quatro anos.

Para atiçar os fãs, Kim e Bill soltaram o primeiro single, “You Don’t Need”, que pode ser conferido abaixo. Com o álbum, eles sairão em turnê pelos Estados Unidos no mês de julho, com os shows começando por Los Angeles.

The Switch – Tracklist
01. Last Time
02. You Don’t Need
03. In The Dark Room
04. Change My Brain
05. Reverse Hand

>>

CENA – Sonic Youth e Forgotten Boys, juntos e misturados. O indie nostálgico e de garagem está vivo com a Riviera Gaz

>>

1 - cenatopo19rivieragaz2

Dois ex-membros da inesquecível banda indie brasileira Forgotten Boys se uniram a nada mais, nada menos, do que o ex-baterista do Sonic Youth, o norte-americano Steve Shelley, para lançarem um projeto próprio, a banda Riviera Gaz. O trio divulga hoje “Bleeding”, a segunda música do seu primeiro álbum cheio, com data de lançamento prevista para junho.

O supertrio começou a sua carreira em 2013, como um projeto solo de Gustavo Riviera, o fundador dos Forgotten Boys, a mesma banda punk lá de 97 em que Chuck Hipolitho (Vespas Mandarinas) tocava bateria. Gustavo compôs algumas músicas e as apresentou solo durante sua passagem por Paris. Na volta para o Brasil, convidou Paulo Kishimoto (Pitty) e aproveitou a visita de Shelley ao país para gravarem um EP, “Pere Ubu”, de 2016.

Com o EP gravado, a banda emendou uma turnê por Brasil, Argentina e Uruguai. Entre as datas, teve uma apresentação no Bananada em Goiânia, além de passagem pelo sul e sudeste do país. Com a experiência de estrada, os músicos se reuniram em estúdio mais uma vez, nesse período, para prepararem seu primeiro disco full. Com 11 músicas gravadas, o Rivera Gaz lança “Connection” dia 8 de junho pelo selo paulista Hearts Bleed Blue.

“Bleeding” vem como segundo single do trabalho, sucessor de “If I Had One”, divulgada pelo grupo mês passado. A nova faixa segue a linha garageira e suja dos sons apresentados no EP, mas traz violões e novas camadas para engrossar o caldo, segundo Gustavo, vocalista, “uma música que segue bem nossas influências de Kinks, Stooges…”.

Em julho a banda inicia a turnê de divulgação do novo disco, registro gravado pelos três músicos, mixado pelo gringo John Agnello, engenheiro de som do Sonic Youth (claro), e masterizado pelo brasileiro Arthur Joly. “Connection” já está em pré-venda pelo site da HHB e deve sair em K7, CD, LP e também digitalmente. Ouça “Bleeding” logo abaixo, em primeira mão pelo Popload.

>>

Incrível como sempre, Lee Ranaldo mostra músicas novas (e faz a própria mixagem) em rádio de Seattle

>>

091116_leeranaldo2

O carismático e fundamental Lee Ranaldo, que um dia ajudou a oferecer ao mundo um tal Sonic Youth, segue com suas mil coisas artísticas por aí.

Ano passado, por exemplo, ele lançou o disco “Electric Trim”, o de número 12 em sua carreira solo. A obra foi a primeira dele lançada pelo selo Mute Records e tem convidados do nível de Sharon Van Etten, Steve Shelley e Nels Cine. Em um de seus passos de divulgação, Lee esteve na linda KEXP, rádio cool e essencial de Seattle, para uma session no fim do ano passado e publicada na íntegra só agora. Com direito a mixagem do próprio.

Ranaldo passou pelo Brasil em dezembro para divulgar “Jrnls80s: poemas, letras, cartas, anotações e cartões-postais dos primeiros anos do Sonic Youth”, seu livro lançado originalmente em 1998, mas que ganhou versão nacional apenas em 2017, em edição caprichadíssima da Editora Terreno Estranho (em parceria com o selo/produtora DESMONTA).

SETLIST
Moroccan Mountains
Uncle Skeleton
Circular (Right as Rain)
Thrown Over The Wall

>>

As guitarras comandam. Confira um show completo e recente de Thurston Moore e sua banda, em Chicago

>>

020817_thurstonmoore1r

Um dos sujeitos mais importantes do rock alternativo americano do fim do século passado, Thurston Moore, fundador do eterno Sonic Youth, segue firme e forte com sua carreira solo.

Mês passado, ele se apresentou no Pitchfork Festival, em Chicago, e o show agora está disponível na íntegra. A apresentação faz parte da turnê de “Rock n Roll Conscoiusness”, seu primeiro álbum solo em três anos, sucessor de “The Best Day”, lançado em maio deste ano.

Moore tem recebido o apoio de seus parceiros Steve Shelley (ex-Sonic Youth, também) e Debbie Googe (My Bloody Valentine) tanto nas gravações quanto nos shows ao vivo. Este último disco de Thurston possui 5 faixas, mas com duração total de quase 45 minutos.

O show em Chicago durou pouco mais que isso e pode ser conferido na íntegra, abaixo.

SETLIST
0:36 – Cease Fire
7:34 – Turn On
18:34 – Speak to the Wild
27:33 – Cusp
35:11- Smoke of Dreams
42:15 – Aphrodite

>>