Em splendour in the grass:

Splendour in the Grass, na Austrália, mostra sua programação absurda que tem até Queens of the Stone Age

>>

250915_qotsa1

Ah, a Austrália… Berço indie que se fortificou bastante nos últimos anos, o lindo país da Oceania tem se primado não apenas em oferecer boas bandas e artistas para a música a alternativa, mas também tem sido um lugar (ainda mais) legal para estar graças aos seus festivais.

Um dos mais bombados do país, o incrível Splendour in the Grass revelou seu line-up para a edição deste ano, marcada para os dias 21, 22 e 23 de julho, no minúsculo vale de Yelgun, próximo a Byron Bay.

Para a próxima edição, o festival elencou nada menos que The xx, Sigur Rós, LCD Soundsystem e anunciou a volta do Queens of the Stone Age, que recentemente finalizou a gravação de seu novo disco.

Não bastasse o pesado time de headliners, ainda estão na programação nomes tipo Father John Misty, Cut Copy, Pond, HAIM, Vance Joy, Real Estate, Two Door Cinema Club e muito mais.

Saca só o line-up completo.

290317_splendour-in-the-grass_lineup

>>

Pintou bromance: Kevin Parker e Mark Ronson de rolezinho pela Austrália

>>

310715_kevinronson

Em rolê tourístico pela Austrália, o produtor bamba inglês Mark Ronson está com uma banda “mais ou menos”. Kevin Parker, do Tame Impala, numa guitarra, o também australiano e absurdo Kirin J Callinan em outra e nos vocais o cantor do grupo sueco Miike Snow, o Andrew Wyatt.

Claro, banda boa ou artista bom, quando caem na Austrália, vão direto fazer session para a rádio Triple J, de Sydney, uma das emissoras indies mais legais do planeta.

310715_kevinronsontriplej

Nesta session, Mark Ronson levou seus meninos para uma performance da fofa “Daffodils”, faixa de seu mais recente álbum, “Uptown Special”, música em que Kevin Parker colabora com sua garganta psicodélica.

Como na Triple J toda banda tem que deixar uma session boa, como na Popload Session e na Radio One, a turma do Ronson mandou ver uma versão de “Sat by the Ocean”, tipo baladaça malemolente de Josh Homme e seu Queens of the Stone Age. Quem canta essa é o Andrew Wyatt. Que saudade, Andrew. Lembra do seu show do Estúdio Emme?

* Kevin Parker também fez uma participação super especial no show de Mark no festival local Splendor in the Grass, quando tocou nas canções “Summer Breaking” e “Daffodils”. Bela blusa, não?

>>

Tame Impala esplendorosamente ao vivo na relva australiana

>>

* Apareceu para download um disco de oito músicas “construído” através do áudio de um show do lindo grupo australiano psicodélico Tame Impala, nossos amigos, no festival Splendour in the Grass 2015, na terra deles. Áudio esse tirado de transmissão ao vivo da muito cool rádio ozzie Triple J. Desnecessário dizer que o resultado sonoro, tanto da gravação como do show em si, é uma belezura pura.

Screen Shot 2015-07-30 at 7.45.00

O Splendour in the Grass foi realizado no último final de semana na cidade de Byron Bay, na Austrália, uma pontinha oriental no norte da Austrália onde fica o Cabo de Byron, região que tem 30 mil habitantes e é famosa por ser completamente hippie até hoje, desde os anos 60, frequentada por gente exotérica, intelectuais, naturalistas, artistas, bicho-grilos em geral. E, claro, por surfistas. Está dado, então, o clima para um show perfeito do Tame Impala.

No festival, a banda de Kevin Parker mostrou algumas músicas de seu disco “Currents”, oficialmente lançado há poucos dias. No show, e pela primeira vez ao vivo, a banda tocou as incríveis “The Moment” e “The Less I Know the Better”, desse último álbum.

Ahaza, Kevin.

“The Moment”

***

“The Less I Know the Better”

>>