Em subburbia:

Tem Que Ver Isso Aí: a semana na Popload

>>

*THE HORRORS, por Fabricio Vianna

>> SHOWS & FESTIVAIS

* PRIMAVERA SOUND BARCELONA: saiba mais sobre o festival
* PRIMAVERA SOUND BARCELONA: The Cure, The Wavves, Drums e Rapture.
* PRIMAVERA SOUND BARCELONA: Wilco, Refused e Spiritualized
* PRIMAVERA SOUND BARCELONA: DIA 1
* CULTURA INGLESA FESTIVAL: as fotos da ‘bombástica’ apresentação do FRANZ FERDINAND
* CULTURA INGLESA FESTIVAL: os Horrores, o UÓ.
* CULTURA INGLESA FESTIVAL: tumulto e emoção no show do FRANZ FERDINAND
* O circo dos horrores. No Rio de Janeiro.
* OF MONTREAL: dia 26/06 @ Cine Joia! Dá uma olhada no poster desta edição do POPLOAD GIG, ficou lindo.
* THE MISSION quebrando tudo no CINE JOIA
* Enquanto isso, LITTLE QUAIL e GALINHA PRETA em Brasília
* PETER MURPHY, ex-Bauhaus, está chegando! Ele toca no Cine Joia em julho.

*Pode vir, KIMBRA

>> TEM QUE VER ISSO AQUI:

* KIMBRA invandindo os EUA e a Inglaterra. E, quem sabe, o Brasil também.
* ATENÇAO: o COACHELLA BRASILEIRO. No PALMEIRAS.
* O vídeo mucho-loko do BLACK KEYS
* Fofura Alert: ANTONY & THE BICHOS
* OPA OPA. Vem aí o novo disco do BLOC PARTY!
* E também vem aí o novo vídeo do SUBBURBIA, nossa nova banda preferida.
* O folk-metal do BECK com o JACK WHITE.
* POPLOAD FASHION WEEK: a jaqueta incrível que o JAMES MURPHY fez para a LEVI’S.
* Mais um vídeo INSUPORTÁVEL da FLORENCE. Aff.
* Brasileiro não desiste nunca: GOSSIP no Brasil em outubro?
* O show completo do SMASHING PUMPKINS no Rock In Rio… Lisboa
* Novo Clássico: NEIL YOUNG & CRAZY HORSE lançam novo disco (YES!) em junho
* AZEALIA BANKS: ouça duas faixas novas e veja criancinhas inglesas analisando a rapper
* O novo epi do GIRLS: o pop ofuscou o indie
* O Melhor do Twitter: “Tá Russo, Moura” Edition

Boa música, bom vídeo. Subburbia, de Curitiba

>>

* “Prediletos da casa”, tema de vários posts na Popload, já atuantes em Popload Session, não canso de dar meu “like” pessoal em tudo que a banda curitibana Subburbia faz. Agora é esse vídeo para “Wrong Riot”, que acaba de sair do forno de Estelle Flores, artista, fotógrafa, diretora de vídeos e praticamente um quinto membro do Subburbia.

Já fui até onde o Subburbia ensaia, no andar de cima de um sebo, num lado underground da cidade. O Subburbia e a própria Estelle F. são todos eles underground dentro de Curitiba, para você ver como rolam as coisas musicais na cidade atualmente. E tem mais coisa interessante nesse “Lado B” da capital paranaense, estamos de olho.

Nice song, nice vídeo, vamos com “Wrong Riot”, do Subburbia.

>>

Curitiba: 319 anos, 319 bandas indies e um festival com 319 peças

>>

* O sul é azul, meu bem. Manchete meteorológica de hoje: “Previsão de geada”. Resultados da rodada: Coxa e Furacão ganharam e embolam com o Tubarão a disputa da liderança do segundo turno do Paranazão 2012. Ok?
Fui ao jogo do Coritiba. Não ia perder a chance de ver o Lincoln e o Tcheco.

* Não, não comi o X-Montanha, hambúrguer tradicional curitibano que não é hambúrguer, mas sim um bolinho de carne amassado (entende a diferença?). Vai presunto e, atenção, tem um risóles no meio. De queijo ou carne, a escolher. Pensa num hambúrguer que não é hambúrguer, com bolo de carne, presunto e risóles de carne. O Morrissey nunca mais vai tocar em Curitiba na vida.

* Peça do dia, no Festival de Teatro de Curitiba: “Deus É um DJ”, adaptação do brother palmeirense Marcelo Rubens Paiva. Tem ainda a peça “Como Conquistar Mulher Sem Dinheiro, Sem Carro e Desempregado em Curitiba”, mas essa já é demais.

* A Popload invadiu o ensaio da banda Subburbia, quarteto da lista “prediletos da Popload” e grande expoente da “onda” dos novos curitibanos, cuja cena tem hoje banda em londres e outra construindo casa para os pobres de São Paulo. O tentáculo curitibano do novo rock é tão grande que quase estou precisando de mala extra para voltar para casa, tantos foram os CDs/DVDs entregues a mim por bandas no James, um dos redutos fortes da noite na capital paranaense. Acho que tem mais banda indie em Curitiba que em São Paulo.
Voltando ao Subburbia, a Popload visitou o habitat da banda, o andar de cima do sebo Taborda Livros Lidos, também de discos ouvidos, onde o quarteto ensaia. De lá, saiu com um vídeo de iPhone do Subburbia tocando “When Trance Was on Fire”. Sinistro.

>>

Popload em Curitiba: terra do teatro (!), do James e dos novos curitibanos

>>

* Vá a Curitiba e me convide.

* A partir de hoje a Popload passa uma curta temporada na capital paranaense, que vira o centro da cultura brasileira por alguns dias, graças ao Festival de Teatro, megaevento nacional que convidou o blog.

Vou aproveitar o rolê para investigar o seguinte:
– essa peça “Deus É um DJ”, dirigida pelo Marcelo Rubens Paiva, é boa mesmo?
– O Keirrison estreia no jogo de líderes Coxa x Londrina ou não?
– O que estão tramando os Novos Curitibanos?
– Cadê o Drunk Disco nesta semana?
– O Subburbia é mesmo uma das melhores bandas indie do país?
– E essa Quick White Fox, banda com TRÊS JAPONESAS e um vídeo-bafo recém-lançado?
– Popload DJ Set no James amanhã, nas comemorações de 9 anos da Quarta Rock, vai ter eletrônico e tudo bem?
– Como está a onda das muitas bandas-cover de muitas bandas indies legais?
– E esse show do inglês Steven Severin dentro do Festival de Teatro do Curitiba. O cara foi um dos fundadores do Siouxsie and The Banshees, parceiro do Robert Smith e está no festival para apresentar um espetáculo chamado “Music for Silents”, que é tocar com importantes filmes mudos passando ao fundo.

* Show me your teeth, Curitiba!

A banda Quick White Fox, da movimentada cena dos novos curitibanos, que tem três japoneses e um baiano. É a composição mais “diferente” da cidade desde o Bonde do Rolê, que tinha três curitibanos fazendo funk carioca

O inglês Steven Severin, membro importante do pós-punk inglês dos anos 80, fundador do Siouxsie and the Banshees, se apresenta no Festival de Teatro de Curitiba botando som em filme mudo

>>

Subburbia, de Curitiba, nossa banda predileta, gravou o nosso vídeo predileto

>>

* A ótima banda indie-soturna nova-curitibana Subburbia acaba de lançar um EP novo, de quatro músicas, “chamado Pentagrama”. Incrível, tudo música boa: “Wrong Riot”, “Can Be Dead”, “Got No Friends” e “When Trance Was on Fire”.

A banda (o Emil, o Ernani, a Vir e a Marina) gravou um documentário “making of” do EP que vai ao ar no sábado que vem na PlayTV.

Mas o negócio é essa “When Trance Was on Fire”. A música e o vídeo. Pensa o CSS caindo para o heavy metal. E o resultado disso sendo muito bom.
Agora pega a música e faz um vídeo simples, de colagens de filmes de cinema, programas de TV, bandas tocando. Junte nesse mesmo vídeo o anão de Twin Peaks e o Pete Doherty. A Sinead O’Connor e os Secos & Molhados. Wes Anderson e Conan O’Brien. Sonic Youth e Weezer. Strokes novinho e David Bowie. PJ Harvey, Stone Roses e Eminem.
Não dá para parar de ver.

* Para poupar seu trabalho um pouco de ir ao Soundcloud para ouvir uma das canções do novo EP do Subburbia, aqui embaixo tem a “Got No Friends”.

I’VE GOT NO FRIENDS by subburbia

>>