Em t-rex:

Sofrência cool: versão de “Cosmic Dancer”, do T. Rex, cantada por Morrissey e Bowie, ganha lançamento oficial

>>

Um dos maiores momentos da história da música pop, sabido há quase 30 anos, mostrado há mais ou menos quatro meses, agora está eternizado em forma de arquivo oficial.

A famosa invasão de palco do David Bowie no show do Morrissey, em Los Angeles, no ano de 1991, quando os dois cantaram “Cosmic Dancer”, faixa linda do incrível T. Rex de Marc Bolan, ganhou lançamento oficial.

O show foi realizado no gigante The Forum e Bowie apareceu logo no final da apresentação de Morrissey, que contou um pouco do episódio em sua autobiografia, publicada em 2013. “Ele entrou no palco todo majestoso e eu já estava exausto, quase sem voz. Mas o garotinho fã de 12 anos dentro de mim, que não ia para a escola sem antes acalmar meus nervos ouvindo “Starman” todos os dias, não estava acreditando no que estava acontecendo ali. Mas lá estávamos eu e ele”.

Esse momento tão comentado entre os fãs durante anos só teve imagens reveladas em julho deste ano, quando surgiu um vídeo de gravação bruta não apenas do dueto, mas também com cenas de bastidores, com o Bowie fumando um cigarrinho de boa, esperando o Moz sair do camarim.

“Cosmic Dancer” foi lançada hoje nas plataformas digitais em contas oficiais de Morrissey. O som limpinho pode ser conferido abaixo, junto com o vídeo que saiu há alguns meses.

* Vale lembrar que… Moz e Bowie viviam relação conturbada, e ficaram com contas por acertar neste plano terrestre. Em 2016, em um show em Manchester, Morrissey separou um momento de seu show para discursar sobre as “melhores pessoas” que morreram naquele ano. Ele citou o boxeador Muhammad Ali, Prince, a atriz Caroline Aherne e a comediante Victoria Wood. Omitiu Bowie, o bastante para a reação negativa de parte do público.

Os dois começaram a tretar em 1995, quando fizeram uma turnê juntos. As razões nunca foram reveladas. Já em 2013, Bowie vetou a publicação de uma foto dos dois para a capa da reedição do maravilhoso single “The Last of the Famous International Playboys” (1988), que em sua versão final teve Moz e o cantor Rick Astley.

Na época, a NME destacou que Morrissey havia dito, em 2014, que sabia que havia criticado David no passado, mas que ele (Bowie) também tinha consciência de era uma “infantilidade boba” por parte do ex-Smiths.

131120_mozbowie

>>

Nick Cave de novo. Agora fazendo cover do T.Rex para o programa do Corden

>>

Captura de Tela 2020-09-10 às 10.45.49 AM

* Lá vem de novo o astro indie australiano Nick Cave. Nesta noite que passou ele foi a atração do programa do apresentador James Corden, na TV americana. Obviamente à distância.

Para o Corden, Cave tocou o clássico “Cosmic Dancer”, do tironossauro rex Marc Bolan. Mais um número de divulgação de Nick Cave que serviu para duas coisas:

(1) o filme de cinema de seu show solitário no Alexandra Palace, em Londres, o “Idiot Prayer – Nick Cave Alone at Alexandra Palace”, que estreia nos cinemas mundiais (seja lá o que isso signifique) no dia 5 de novembro, com um luxuoso disco sendo lançado semanas depois;

(2) o disco especialíssimo “AngelHeaded Hipster: The Songs of Marc Bolan and T. Rex”, recém-lançado em vinil branco e CD, cheio de gente incrível homenageando o lendário Bolan, sua lendária banda e ainda o produtor Hal Willner (Devendra Banhart, Marc Almond, Gavin Friday, Joan Jett, Sean e Julian Lennon, Father John Misty, U2 com Elton John, Lucinda Williams…). O disco de 26 múicas, que tem umas faixas em streaming, foi o último trabalho de Hal Willner, importante produtor musical de discos, shows e autor de sketches para o programa “Saturday Night Live”, que morreu por causa da covid dia destes.

Sempre um prazer, Nick!

>>

Surge o vídeo do encontro de Morrissey e David Bowie cantando cover de T. Rex

>>

Captura de Tela 2020-07-13 às 4.06.20 PM

* Uma saborosíssima história da música pop, muito contada, bastante ouvida, mas nunca mostrada, ressurgiu nos últimos dias para corrigir esse grande problema: apareceu um espetacular vídeo dela.

O dia em que David Bowie “invadiu” o palco de um show do Morrissey em Los Angeles para ambos cantarem uma coisa do grande clássico “Cosmic Dancer”, de Marc Bolan, poeta, cantor e guitarrista do lendário grupo T. Rex.

A apresentação aconteceu durante uma turnê solo do Morrissey pelos EUA em 1991, do álbum “Kill Uncle”, seu segundo disco pós-Smiths. Foi um show na gigantesca The Forum, antiga arena onde os Lakers mandavam seus jogos na NBA e o poderoso Kings, na NHL, a liga de hockey.

Esse encontro de palco absurdo traz até imagens fora dele, nos bastidores, com Bowie esperando Morrissey sair do camarim, fumando um cigarrinho e conversando com amigos no corredor. A cover de Marc Bolan ocorreu no bis, na última música do show.

Sobre esse nunca-antes-visto encontro, Morrissey chegou a falar em sua autobiografia, publicada em 2013: “Ele entrou no palco todo majestoso e eu já estava exausto, quase sem voz. Mas o garotinho fã de 12 anos dentro de mim, que não ia para a escola sem antes acalmar meus nervos ouvindo “Starman” todos os dias, não estava acreditando no que estava acontecendo ali. Mas lá estávamos eu e ele”.

>>

Nick Cave lança maravilhosa cover de T. Rex. E daí???

>>

* Affe. Olha essa do Nick Cave… Ao piano, ainda por cima.

Captura de Tela 2020-04-29 às 9.55.34 AM

Vai sair uma coletânea em setembro para homenagear as músicas do lendário Marc Bolan, cantor, guitarrista e poeta inglês que liderou o fundamental T. Rex lá nos anos 60 e 70, gerando o glam rock e tals, a psicodelia novinha tomando conta (até dos Beatles), envolvendo caras como David Bowie, essas referências leves.

Daí, agora, chamaram o Nick Cave para interpretar um clássico do T. Rex, a maravilhosa “Cosmic Dancer”, para este “AngelHeaded Hipster: The Songs of Marc Bolan and T.Rex”, que será lançada dia 4/9.

“Cosmic Dancer”, do Bolan, por Nick Cave, saiu hoje. Até em vídeo. Que coisa mais maravilhosa.

>>

Desplugado, Kasabian mostra música nova e uma cover de T. Rex na BBC

>>

100517_kasabian2

O badalado grupo inglês Kasabian está em ritmo de divulgação de seu novo disco, “For Crying Out Loud”, lançado semana passada. A mais recente parada deles foi na BBC Radio 2, no programa de Dermot O’Leary, para entrevista e session.

Em pegada acústica, Tom Meighan & Co. mostraram o single “Bless This Acid House” e reeditaram “Cosmic Dancer”, faixa lançada pelo T. Rex em seu disco “The Electric Warrior”, de 1971.

“For Crying Out Loud” é o sexto disco da banda de Leicester e tem 12 faixas, todas escritas e produzidas pelo guitarrista Serge Pizzorno, que tem falado em entrevistas que este tem tudo para ser o melhor álbum deles.

De acordo com o guitarrista, desta vez ele fez as coisas como antigamente, tirou algumas semanas para compor o álbum todo e trabalhou “sem comodismo”, de um jeito “old school”.

A versão original:

>>