Em the charlatans:

Cantando hino indie dos anos 90 em formato diferente. Fazendo cover de hit pop chiclete. Tudo filmado em preto e branco. Apenas uma session toda torta do Charlatans no Canadá

>>

211118_charlatans2

Ponto de parada obrigatório para bandas indies que visitam Toronto, a House of Strombo abriga algumas das melhores sessions do mundo com um detalhe peculiar: filmadas em preto e branco.

A House of Strombo é comandada pelo apresentador George Stroumboulopoulos, que milita no circuito alternativo há mais de 20 anos e já levou para seu porão nomes que vão de Beastie Boys a Queens of the Stone Age.

Quem marcou presença por lá recentemente foi o delicioso The Charlatans, banda liderada pelo distinto Tim Burgess, que era possivelmente a maior banda pequena da Inglaterra nos anos 90, que abriu aquela década com o hino indie “The Only One I Know”, uma das melhores músicas já feitas.

Na session no Canadá, o Charlatans tocou desplugado, bem distante daquela barulheira distorcida e boa de sempre, o que de fato rendeu algumas surpresas nas canções tocadas. Sobrou espaço até para uma cover do hit chiclete “Call Me Maybe”, da cantora Carly Rae Jepsen.

Os britânicos lançaram ano passado seu mais recente disco, “Different Days”.

SETLIST
0:39 Hey Sunrise
2:05 Emilie
8:05 North Country Boy
15:58 The Only One I Know
26:39 Totally Eclipsing
33:55 Call Me Maybe (Carly Rae Jepsen Cover) (Ft. FRANKIIE)
41:47 Just When You’re Thinking Things Over

>>

Tudo muito anos 90. Brian Jonestown Massacre vai lançar segundo álbum em quatro meses e convida até o Tim Burgess

>>

240117_brianjonestown2

Banda clássica indie do indie dos anos 90 e dos nomes mais legais da música, a Brian Jonestown Massacre prepara para lançar seu 16º álbum de estúdio, tipo quatro meses após lançar o 15º.

Grupo liderado por Anton Newcombe, o BJM bota na praça dia 24 de fevereiro o álbum “Don’t Get Lost”, registro que terá 14 canções inéditas, e que pinta como sucessor de “Third World Pyramid”.

O primeiro single da obra é “Fact 67” e para deixar tudo ainda mais 90’s, o special guest da faixa é nada menos que Tim Burgess, voz marcante do grupo inglês The Charlatans.

>>

De volta aos anos 90: ouça a nova do Charlatans

>>

150115_charlatans1

Uma das principais referências musicais do rock alternativo britânico dos anos 90, o Charlatans lança no fim deste mês seu 12º álbum de estúdio.

“Modern Nature” sai dia 26 próximo e é o primeiro álbum do grupo após a morte do baterista Jon Brookes, ocorrida em agosto de 2013 em decorrência de um câncer no cérebro.

150115_charlatans2

O álbum terá 11 faixas e dele já conhecíamos o single “So Oh”, lançado em dezembro do ano passado. Agora, os britânicos liberaram outro single para divulgar o projeto. Veja, abaixo, o vídeo 90’s da deliciosa “Come Home Baby”.

* Modern Nature, tracklist
1. Talking In Tones
2. So Oh
3. Come Home Baby
4. Keep Enough
5. Tall Grass
6. Emilie
7. Let The Good Times Be Never Ending
8. Need You To Know
9. Lean In
10. Trouble Understanding
11. Lot To Say

>>

Um pouco de nostalgia brit, por favor. The Other Two (New Order) remixa Tim Burgess (Charlatans)

>>

161214_theothertwo

Stephen Morris e Gillian Gilbert, o casal do New Order melhor conhecido como The Other Two (acima), projeto que perdura desde os 90’s com lançamentos esporádicos, resolveu botar a mão na massa e remixar uma nova canção de Tim Burgess, distinto líder da banda inglesa The Charlatans, grupo ícone da música alternativa britânica nos anos 90.

161214_tim

“Oh Men” é a nova faixa de Burgess e a versão remixada representa o primeiro trabalho do The Other Two em 15 anos. A última vez deles enquanto duo foi com o lançamento de “Super Highways”, álbum de 1999.

A versão faz parte do “Oh Men Project”, só de remixes, que está sendo lançado hoje em vinil 12″. E ficou incrível.

* Em outra frente, Tim Burgess está na ativa com o Charlatans. A banda lança dia 26 de janeiro seu 12º álbum, “Modern Nature”, e lançou recentemente o single “So Oh”.

>>

The Charlatans mandando Joy Division com uma pequena ajuda dos amigos

>>

A Popload destacou ontem o reencontro de dois membros fundadores do Oasis, Liam Gallagher e Bonehead, quinze anos depois. O guitarrista deixou a banda em 1998. O encontro rolou na sexta-feira passada, em Londres, durante um evento em homenagem a Jon Brookes, ex-baterista do Charlatans, que morreu em agosto vítima de um câncer no cérebro. O show serviu para arrecadar grana para uma instituição inglesa de combate à doença para pessoas menos favorecidas.

Daí que além desse “meio Oasis”, outras atrações formaram o line up. Integrantes de bandas como Mumford & Sons, The Vaccines, New Order e o Chemical Brothers discotecando entre os shows foram algumas delas. Em dado momento da noite, rolou uma mistura de todas essas bandas para tocar a clássica “Love Will Tear Us Apart”, do Joy Division, com o grande Tim Burgess no vocal. Ficou lindo.

>>