Em war on drugs:

Música linda, vídeo lindo. Claro, outra vez o War on Drugs aparece para nos levar daqui para um outro lugar

>>

Captura de Tela 2017-08-22 às 9.40.55 AM

* Momento lindo do ano na música independente, sai sexta agpra p novo disco da banda americana War on Drugs, viagem country-rock-indie-psicodélica “adulta” pilotada por Adam Granduciel e seus amigos, turma de tarimbados músicos da Filadélfia não exatamente com cara de lindos, mas lindos. “A Deeper Understanding”, esse quarto álbum da banda que estourou meeeeeeeesmo no disco anterior, a gente vem “dissecando” aqui na Popload a cada single que o grupo solta, a cada vídeo que eles liberam.

Pois tem um novo, em preto-e-branco, com os caras tocando num navio, cenas de uma galera nova se divertindo, pessoas parecendo nem estarem se divertindo tanto assim, cenas de mar, pontes, água, e letras falando de dor, de “deeper understanding” (taí o nome do disco). Ou seja. Junta tudo isso com os melhores “momentos de guitarra” do rock atual e pronto. Outro trabalho incrível do incrível War on Drugs.

>>

As coisas não estão fáceis. Mas pelo menos temos o War on Drugs soltando música nova maravilhosa

>>

warondrugs

* No final do mês deste agosto louco sai o disco novo do War on Drugs, bandaça da Filadélfia linda de morrer com músicas lindas de morrer e orquestrada pelo excelente Adam Granduciel. “A Deeper Understanding”, o quarto álbum do grupo, já verteu para a humanidade, recentemente, faixas excelentes como “Holding On”, “Pain”, “Strangest Thing” e “Thinking of Place”. E, como se não bastasse, vem agora nos mostrar um outro single absurdo de bonito: “Up All Night”, com um andamento crescente maravilhoso e uma guitarra bem sujinha intercalada à viajante psicodelia interiorana da banda, a tal da Americana quando não despenca para a country music. Me entende? Nem eu me entendo às vezes.

Música que dá vontade de botar no carro para dirigir à noite em estrada, para servir de trilha para filmar gatinhos e botar no Stories do Insta.

Pô, boa ideia!!!!

* A foto acima, de Adam Granduciel, é de Cathy Poulton.

>>

Mais seis minutos de War on Drugs sendo estonteante no novo single “Strangest Thing”

>>

Screen Shot 2017-07-18 at 15.15.12

Adam Granduciel, o cara, em foto de Dustin Condren

Não é por ser uma das prediletas da casa, mas ainda estamos esperando a banda americana The War on Drugs lançar UMA música chata. Não vai rolar. Desde que abriu os trabalhos do quarto álbum de estúdio, “A Deeper Understanding”, cuja capa você vê abaixo, o grupo só surpreendeu e vem, pelo menos até agora, acalmando os ânimos de quem espera o sucessor do espetacular “Lost in the Dream”, lançado em 2014.

010617_warondrugscapa

Deste novo trabalho já conhecemos “Thinking of a Place”, lançada durante o Record Store Day, e “Holding On”, com seu vídeo lindo e triste na mesma proporção, ambas gravitando entre o “country psicodélico” (sim) e o rock de Bruce Springsteen, sob o comando do líder-faz-tudo Adam Granduciel. E é ele quem “estrela”, digamos, o não-vídeo para o novo single “Strangest Thing”, lançado hoje. Divulgado como “áudio oficial”, o link traz, na verdade, Granduciel caminhando sem destino por seis minutos e meio de trilha maravilhosa, com direção de Shawn Brackbill. Não precisa de mais nada:

“A Deeper Understanding” será lançado no dia 25 de agosto e terá dez faixas:

01. Up All Night
02. Pain
03. Holding On
04. Strangest Thing
05. Knocked Down
06. Nothing To Find
07. Thinking of a Place
08. In Chains
09. Clean Living
10. You Don’t Have To Go

*A foto de Adam Granduciel na home é de Phil Sharp.

>>

E o Record Store Day trouxe a incrível e longa volta do War on Drugs

>>

The-War-On-Drugs-Thinking-Of-A-Place-1492781389-640x640

* Abençoado Record Store Day, o dia especial de louvação às lojas de discos do mundo, ainda um dos melhores lugares a se estar no planeta (tipo uma praia na costa amalfitana na Italia, em um passeio à margem do Sena ou, sei lá, um jogo no Allianz Parque). O deste ano aconteceu no último sábado e, entre um milhão de coisas, trouxe o lançamento de um novo disco da mais que especial banda americana War on Drugs.

Na verdade um single, de 12 polegadas. É a primeira música nova do grupo desde o começo de 2014, quando lançaram o lindo “Lost in the Dream”, o terceiro álbum que jogou luz infinita no grupo da Filadélfia liderado por Adam Granduciel (abaixo).

Untitled-13

Chama-se “Thinking of a Place”, é algo entre o folk e o psicodélico, tem solos de guitarra parecendo vocal e vocais parecendo solos de guitarra, carrega um delicioso ritmo de viagem sem sair do lugar, fala de amor, sonhos, escuridões, a lua e tem 11 minutos que você não irá querer que acabem nunca.

Que beleza!

The War On Drugs – Thinking Of A Place from Record Store Day on Vimeo.

>>

War on Drugs em Portland. O “novo indie” abraçando mesmo a banda de “roqueiro velho”

>>

* Popload enquanto em Portland, Oregon, na semana passada.

Screen Shot 2015-05-25 at 7.32.43

Na última quinta-feira, a banda War on Drugs, de um tamanho improvável de grande dentro do indie americano (já tentamos entender o que acontece, aqui), fez um show esgotado num clube de Portland, o Crystal Ballroom, onde cabem 1500 pessoas e por dentro parece a Capela Sistina, dado os afrescos bíblicos pintados no texto e paredes.

O grupo do cabeludo Adam Granduciel, de aparência hippie desleixada mas de voz e guitarra impressionantemente boas, foi uma das atrações do Sasquatch Festival, na “região”, e aproveitou a escalação no evento para fazer um one-off em Portland.

Banda de “roqueiro velho”, o War on Drugs nasceu no começo da década passada com o talentoso Kurt Vile na formação e uma obsessão por Bob Dylan na música. Mas foi só de mudar bastante a formação e chegar com seu terceiro disco m março de 2014 que o grupo vem causando na nova música.

Desse tal disco, o campeão “Lost in a Dream”, capturamos a bela “Burning”, que entrega bem o “jeito War on Drugs” de envolver com sua música, quase todas elas e principalmente ao vivo. O ritmo vai cadenciado, quase lento, esquenta quando entra a voz de Granduciel e pega fogo com seus solos.

Na rabeira tem um trecho da linda “Under the Pressure”, uma das mais importantes do álbum e que ecoou no ano passado em rádios indies americanas. O vídeo está de longe, portanto desfocado, e ainda por cima está incompleto. Então por que postar o vídeo? Porque é “Under the Pressure”, oras.

>>