Em weezer:

Weezer quarentenado inova para a TV com “Hero”, música nova

>>

* Está ficando cada vez melhor, mais criativo, mais bem-resolvido para resumir, essas lives, apresentações à distância, essas práticas de sobrevivência de performances na época da quarentena sem show, sem banda com integrantes no mesmo local, essa bagunça estrutural que o coronavírus e a necessidade de distanciamento social causou na música.

A banda americana Weezer, que dia destes estava nos Simpsons, foi a atração musical ontem do programa do apresentador Jimmy Fallon na TV americana. Eles tocaram “Hero”, música de seu novo álbum, “Van Weezer”, o décimo-quarto do grupo de Rivers Cuomo que sai neste ano mas ainda está sem data.

Num modo de distanciamento, Cuomo aparece ao piano na sala da sua casa e começa a tocar e cantar. Nessas a TV é ligada e começa a transmitir a chegada da banda. E a música se desenvolve.

A internet incluindo a televisão. A televisão incluindo a internet. A televisão incluindo a televisão. Gênios. Só vendo.

>>

Ao piano e de regata, Rivers Cuomo faz cover de “Heart-Shaped Box”, do Nirvana

>>

120520_weezer2

Mais um dia normal no novo mundo das lives. Não sei se vocês já repararam, mas aos poucos estamos nos acostumando a ver artistas fazendo covers de outras bandas, de canções que a gente não imaginava.

Tipo o Rivers Cuomo, do Weezer, que botou uma regatinha, sentou ao piano e mandou uma cover de “Heart-Shaped Box”, do Nirvana. Ele atendeu a pedidos de fãs durante uma live.

O resultado está aí:

>>

Atenção: Os Simpsons vão prever a nova música do Weezer, domingo agora

>>

* Captou?

070520_weezer2

Depois de divulgar a nova música “Hero” nesta semana, o Weezer tem mais novidades para os próximos dias. Domingo agora, dia 10 de maio, a banda de Rivers Cuomo vai lançar um novo single de um jeito diferente.

O grupo norte-americano estará no episódio de Os Simpsons para mostrar a inédita “Blue Dream”. É esperado que a canção esteja no próximo álbum do Weezer, “Van Weezer”, que acabou de ter seu lançamento (previsto para este mês) suspenso.

O EP dos Simpsons, que está em sua temporada 31, se chama “The Hateful Eight Year-Olds”. Nele, o Weezer dará voz a uma banda cover chamada Sailor’s Delight, responsável por embalar uma cena romântica de Homer e Marge Simpson em um cruzeiro. Além da música nova, o Weezer vai tocar trechos de canções dos discos “The Black Album” e “Pacific Daydream”.

“Van Weezer”, o novo disco, foi moldado a partir da energia dos shows do grupo. Com produção de Suzy Shinn, o álbum terá 10 faixas e é inspirado na via de rock mais pesado da banda, que tem como referências sonoras as pesadas Black Sabbath, Metallica, KISS e Van Halen.

Confira, abaixo, os dois singles divulgados até agora.

>>

Weezer suspende lançamento de seu disco de rock pesado, mas libera a inédita “Hero”

>>

271017_weezer2

Se o mundo estivesse com sua rotação normal, o Weezer lançaria neste mês seu mais novo disco, “Van Weezer”, que foi parcialmente anunciado no segundo semestre do ano passado com o snigle “The End of the Game”.

Acontece que com esse papo todo de pandemia, a banda norte-americana botou a nova data com status indefinido, mas prometeu anunciar em breve quando este novo projeto estará nas lojas.

Para a notícia não ficar toda ruim, o Weezer liberou uma faixa inédita, “Hero”, disponível no final do post.

“Van Weezer” é um álbum que captura a vibe dos shows do grupo, segundo o Rivers Cuomo. Produzido por Suzy Shinn, o disco terá 10 faixas e é inspirado na via de rock mais pesado da banda, que tem como referências as bandas Black Sabbath, Metallica, KISS e Van Halen.

>>

Do Weezer ao Júnior Groovador, Nirvana une tribos e rouba a cena no primeiro final de semana do Rock in Rio

>>

Entre as diversas generalidades que ocuparam o Rock in Rio neste primeiro final de semana, chamou a atenção um depoimento de Dave Grohl no sábado, ao relembrar o Nirvana.

Na parte final do show do Foo Fighters, Dave ofereceu a antiga canção “Big Me”, presente no disco de estreia do FF, ao Weezer. Tudo porque, horas antes, Rivers Cuomo e Cia. tocaram “Lithium”, do Nirvana, que Grohl disse ter assistido do backstage e… chorado.

Ex-baterista do grupo, Dave relembrou a primeira vez que veio ao Brasil, justamente com o Nirvana, para o Hollywood Rock. “Foi a primeira vez que tocamos para mais de 100 mil pessoas”, disse, fazendo referência ao show de São Paulo, que arrastou 110 mil pessoas ao Morumbi para ver a maior banda do mundo naquele momento, certamente em um de seus shows mais caóticos na carreira.

“Eu estava no backstage e ouvi o Weezer tocando Lithium. E eu tenho que ser honesto: eu chorei um pouquinho. Foi tão bom! Eu tenho saudade de tocar essa música”, confessou Grohl.

300919_davegroovador

Em outra passagem, essa de alegria, o Fantástico flagrou Dave dando um abraço efusivo em Júnior Groovador, baixista potiguar que viralizou na web ao botar uma pitada de forró em “Smells Like Teen Spirit”, que rendeu uma versão ao vivo, no palco do Rock in Rio, com o Tenacious D, banda do ator Jack Black. Dave disse que Groovador “é o cara” e que correu para ver a apresentação.

O Nirvana vive.

>>