The Kid Laroi, o fenômeno australiano de 17 anos, vai experimentar o “Saturday Night Live”. Na carona da Miley Cyrus

>>

* As línguas mais apressadas (más?) falam que não passa de um “novo Justin Bieber”, o que não necessariamente é uma grande pecha para se carregar. Mas tem gente boa que aponta que o menino tem talento. O pop americano, desse mais voltado aos teens e que mistura hip hop, umas escorregadas trap, às vezes um flerte com indie, e já uma coleção de carinhas marrentas, tem registrado todos os dias o crescimento absurdo do novo meteoro musical The Kid Laroi, moleque de 17 anos que tem um teste de ouro para explodir mais ainda neste sábado: ele vai pegar uma carona boa ao se apresentar no lendário programa nova-iorquino “Saturday Night Live”, junto com Miley Cyrus, a convidada musical na semana.

kidlaroi

Aparente um sucesso orgânico, quase espontâneo, The Kid Laroi já saiu de Sydney e está bem instalado em Los Angeles e bem amarrado, sustentado por números espetaculares nos streamings e nas conexões pesadas, já com gente como a citada “madrinha” Miley Cyrus, Machine Gun Kelly, Marshmello, Juice WRLD (que morreu recentemente), entre outros, todos contribuintes diretos ou indiretos de seu disco de estreia, na verdade uma mixtape, lançada em julho de 2020 com o singelo nome de “F*CK LOVE”, que teve dois lançamentos, um posterior com a extensão “(Savage)”, que saiu em final de novembro em edição deluxe quando entenderam o fenômeno que o rapaz era.

Em uma dessas reportagens alardes da revista “Time”, eles resumem assim a trajetória do foguete: “Só nos últimos três meses, The Kid Laroi lançou colaborações com Miley Cyrus e Justin Bieber, quebrou o recorde das paradas australianas, alcançou o top 10 em uma dúzia de países, assinou um contrato mundial enorme com a Sony, ganhou o prêmio de compositor revelação do ano no importante prêmio australiano APRA. E agora, amanhã, chega ao “Saturday Night Live” levado pelas mãos de Miley, que recentemente colaborou com um remix para o maior hit de Laroi, a canção “Without You”, quase um “Wonderwall” nos violões do começo, que tem 400 milhões de streamings no Spotify. É o que eles vão cantar no “SNL”.

Como um bom menino de seu tempo, The Kid Laroi, que se chama Charlton Howard e é cantor, compositor, músico prodígio e produtor idem, mostra uma consciência de sua evolução desenfreada na música também em seu comportamento nas redes sociais, o que conta muito para sua geração. Ele fala abertamente de questões de “mental health” e de gêneros sexuais, além de preocupações com meio ambiente, consciência de pandemia, esses pontos. Australiano, né?

Em fevereiro, como não podia deixar de ser, o apresentador Jimmy Fallon cooptou The Kid Laroi para um número musical no seu programa. A canção performada foi o meloooooso hit “Without You”, sem Miley e cujo vídeo tem 400 milhões de views no YT. Baladinha com voz de Liam Gallagher (né?), um solo de guitarra bizarro num momento final, nada das caídas para o hip hop.

A gente bota agora esse vídeo do Fallon de fevereiro, para guardar lugar para o novo, ou os novos, que virão amanhã, pós-“Saturday Night Live” e na companhia de Miley Cyrus. Antes, o recém-lançado vídeo da dupla, lançado agora no começo de maio quando fizeram circular a colab para o maior hit do rapaz.

>>