Bananada 2014 junta Mudhoney, Emicida, Boogarins e Aldo numa balada só

060514_bananada2

Eu sei que falar de banana está na moda, mas aqui a coisa é outra. Já contamos neste espaço sobre a “cena goiana”, as bandas, os lugares, os agitos, os agitadores. E agora em maio, mais precisamente de 12 a 18, semana que vem toda, tudo isso vai estar reunido e à mostra, embalado por um nome só: o festival Bananada 2014.

Um dos principais festivais independentes do Brasil há muitos anos, o Bananada se superou neste ano ao conseguir reunir em sua escalação a empolgante fornada recente de bandas locais (o internacional Boogarins volta de extensa turnê mundo a fora para o festival), trazer todo um selo histórico como o da Sub Pop de Seattle (puxada pelo Mudhoney), escolher a dedo boas bandas indie paulistanas (Inky, Nevilton e Aldo são exemplos), enfiar o Emicida no line-up, apostar em nomes do Norte/Nordeste tipo o Far from Alaska (RN) e tirar os gaúchos do Bidê ou Balde de casa. E olha que não falei nem a metade da escalação.

060514_bananada3

Fora isso, a Construtora Música armou para este ano um esquema de ingressos na linha “pague o quanto quiser/achar justo”. Em um valor mínimo que começa em R$ 5. Há ainda o Banana Ouro, passaporte que sai a R$ 40 e permite entrada em qualquer lugar, para qualquer banda, no dia que quiser.

Toda a info do Bananada 2014, na agitada Goiânia, está aqui.

Essa era uma boa camiseta para o Luciano Huck fazer, com a escalação do festival.

060514_bananada1