CENA – O Cupin vem aí e quer você dançando

>>

cena

* Banda nova, festa, turma atuante, primeiro disco. Muita coisa faz do primeiro disco do duo CUPIN, a ser lançado em breve, ser um dos discos mais aguardados da CENA indie atual. Primeiro porque o duo é praticante de uma electro-MPB contagiante e vocal bacana, orquestrada por Pedro Luce e Paulo Suriani, que teria um paralelo qualquer com outro bom integrante do mesmo cenário, o Lumen Craft, se esse não cantasse em inglês.

IMG_3787 (1) (1)

O disco de estreia do Cupin tem o carimbo do selo Freak, galera emergente que aglutina boa parte das bandas legais de SP hoje e está com estúdio bastante renovado, para aumentar satisfatoriamente a produção da já bastante produzida galera alternativa da cidade e não só.

A turma que gira em órbita do Cupin e do Freak é grande. O álbum da dupla, ainda, terá participação especial da Irina Neblina (tecladista do Garotas Suecas), Stephan Feitsma (guitarrista do Inky), o povo do grande e doido Mel Azul, Luiza Lian, Matheus Prado (Projeto Coisa Fina, Garotas Suecas) e Isabela Fernadez (da banda Pure).

O Cupin, que ainda vai ter seu primeiro disco, já tem uma das festas mais legais de São Paulo, para bandas. Faz uma balada por mês no palco do Z Carniceria, em Pinheiros, e promove intercâmbio de bandas independentes, com shows e discotecagens.

Ao vivo, a dupla vira grupo cheio e conta com ajuda no palco de integrantes dessa “scene that celebrates itself” paulistana, que lembra o começo da forte cena shoegazer britânica dos anos 90.

Quanto à festa promovida pelo Cupin, ela se chama Eu Quero É Te Ver Dançando, não por acaso o nome de um single do álbum de estreia do duo, cujo videoclipe a Popload lança agora, com exclusividade.

image (1)

** A foto do Cupin que ilustra este post e a home da Popload é de Marcelo Fontana.

>>