É muita tatuagem para um Grammy só: o rock e o hip hop se chocam com o Post Malone no meio dos Red Hot Chili Peppers

>>

Rob Latour/REX

Rob Latour/REX

Não foram apenas St. Vincent e Dua Lipa que misturaram seus estilos musicais e belezas no palco do Grammy. Parece que as dobradinhas foram calculadamente programadas nas apresentações ao vivo no palco.

Duas partes que se envolveram foram o veterano e big Red Hot Chili Peppers junto ao rapper-sensação-tatuado Post Malone, uma das principais atrações do Lollapalooza Brasil deste ano.

Malone abriu a performance com “Stay” no violão e, logo em seguida, emendou com “rockstar”. Foi aí que Anthony Kiedis chegou com seu terno vistoso e seus amigos para misturar tudo com “Dark Necessities”, single do mais recente disco do RHCP, “The Getaway”.

Pior, tudo funcionou bem direitinho.

>>

  • Leocádia Joana Garibaldi Pinto

    Credo, cara! Que merda de fim de carreira: pra aparecer na premiação importante tem que dividir palco com esse embuste Malone!!