Em session linda, National faz cover de Ramones e conta historinha envolvendo o Joey e o Trump

>>

011117_national_slider

Senta que lá vem música boa. O incrível National, facilmente uma das melhores bandas do mundo, esteve recentemente na tão incrível quanto KCRW, uma das estações de rádio mais legais da América, para um bate-papo e uma session no tradicional Morning Becomes Eclectic.

O National esteve lá justamente para mostrar canções do seu belo novo álbum, “Sleep Well Beast”, lançado há algumas semanas. Dele, a banda mostrou as faixas “Nobody Else Will Be There”, “Walk It Back”, “Born to Beg”, “Guilty Party” e “Carin at the Liquor Store”.

Sobrou tempo, ainda, para uma improvável cover de “The KKK Took My Baby Away”, dos Ramones, lançada originalmente em 1981. Na intro, o vocalista Matt Berninger disse que a música fala de uma “história real”, em que Joey Ramone estava tendo um relacionamento com uma garota no colegial e aparentemente Donald Trump, no carro luxuoso de seu pai, levou seu amor embora. “Aconteceu no Queens muitos anos atrás”, disse ele.

Essa história apareceu um tempo atrás no Twitter do produtor e comediante Jake Fogelnest, em agosto deste ano.

* O National, nunca é demais lembrar, é uma das atrações do Lollapalooza Brasil em 2018. Um sideshow em lugar pequeno não cairia mal, hein? Abaixo, a session completa.

>>

  • Lênin Sampaio

    Facilmente umas das melhores bandas do mundo?! Piada né!! Se vocês realmente acreditam nisso, então a música Mundial está mau, muito mau. Oremos!!!

  • Aline Benício

    A música mundial vai bem, e o The National é um ótimo motivo pra isso :) Quem gostou bate palma; não gostou, paciência.