Lives da quarentena, versão família: Yeah Yeah Yeahs, Tears For Fears e David Gilmour fazem apresentações diferentes e em casa

>>

Entre as milhares de lives que invadiram a internet nas últimas semanas, algumas estão ficando legais por envolver artistas e seus familiares. E, entre estas, destacamos pelo menos três.

130420_tearsforfears2

** Ontem, a diva Karen O, vocalista do Yeah Yeah Yeahs, desenterrou uma das primeiras músicas da banda, “Our Time”, que foi lançada em EP homônimo em 2001, nos primórdios do grupo. A Apresentação contou com a participação especial de seu filho Django, “abrindo” o show. Haha.

** Na semana passada, o incrível David Gilmour participou de uma live da esposa, Polly Samson, para divulgar “A Theatre For Dreams”, novo livro dele. Enquanto Polly leu alguns trechos do seu novo romance, Gilmour relembrou no violão seu amigo Leonard Cohen, que é um dos personagens citados no livro. O ex-Pink Floyd tocou as canções “Bird on the Wire” e “So Long, Marianne”, sucessos do catálogo do canadense.

** Quem também fez bonito na internet foi a Diva, filha de Curt Smith, do Tears For Fears. Ela soltou sua bela voz ao lado do pai na icônica “Mad World”, uma das principais canções do duo inglês, que muito tem a ver com o momento atual do planeta. Fofa a Diva, não?

>>