Lolla BR vai trazer ano que vem o Led Zep… ops, a banda Greta van Fleet

>>

* Opa, a coisa está se formando. Só falta descobrirmos mais umas outras 65 bandas.

Captura de Tela 2018-08-17 às 1.45.00 PM

O grupo americano Greta van Fleet, destaque desde o ano passado do indie mas que só vai ter álbum de estreia lançado no final deste ano, engrossará a lista de bandas que vêm ao Brasil no ano que vem para tocar no Lollapalooza Brasil, em Interlagos, e talvez em algum clube por aí.

A banda, que se apresentou com certo barulho no Coachella deste ano, é a emulação mais descarada de Led Zeppelin desde Wolfmother e Jet que o mundo independente conheceu, do hard rock das guitarras pagianas aos rasgos vocais plantianos de Josh Kiszka. Eles até assumem.

Dia destes, o veterano Robert Plant citou o grupo do Michigan, em uma entrevista para um canal de TV australiano, como uma de suas bandas novas favoritas. E chamou Kiszka de “a beautiful little singer”, além de dizer que o Greta van Fleet é total “Led Zeppelin I”, em referência ao primeiro disco da histórica banda britânica, datado de 1969 ainda.

O Greta van Fleet entra no Lolla BR junto com Arctic Monkeys e Sam Smith, pelo que já corre “por aí”. Nesta semana, o jornal volante “Destak” divulgou que Lenny Kravitz e a “banda de millenials” Twenty One Pilots também aparecerão na escalação oficial do próximo Lolla brasileiro.

Agora em julho, o GvF lançou o single “When the Curtain Falls”, que vai estar no primeiro disco cheio do grupo, que até então vivia da fama de Led Zeppelin e dos dois EPs que lançaram no ano passado, quando apareceram.

“When the Curtain Falls” ganhou seu vídeo oficial nesta semana. Ei-lo.

>>

  • tramontin

    Muito parecido,principalmente antes desse clip,com cabelão bem visual exótico deles mais muleques…longa vida ao rock.

  • Fernando P. Radioativo

    Engraçado, maioria absoluta das bandas atuais são cópias descaradas das bandas oitentistas que transformaram rock em música eletrônica com guitarra. Mas errado é Greta Van Fleet que se inspira no rock de QUALIDADE foi Led Zeppelin… Cada geração tem A música que merece, mesmo.

  • Eduardo Macedo

    Seja cópia ou não de Led Zeppelin, o som dos caras é bom demais. Dá gosto de ver os caras tocando. O vocalista só deveria se soltar mais um pouco no palco e parar de usar aquelas sandálias. Kkk

  • Krypto The Superdawg

    Tiozão detected.

  • Antonio

    É a soma de um vocalista + guitarrista + baixista + baterista muito talentosos tocando rock de verdade. Será que dá pra valorizar isso por favor? E na minha desimportante opinião a semelhança com o Zep só vai até a página 2. Os caras possuem um estilo próprio que com o passar do tempo vai se provar.

    De mais a mais, por acaso o Led Zeppelin patenteou a escala pentatônica e os vocais rasgados?

  • Moon Knight

    Engraçado, falam que eles são uma “emulação descarada” do Led Zeppelin, mas o próprio Zep não era 100% original. Nada obstante, o som dos caras tem uma pluralidade de influências, que incluem o zep, obviamente, mas inclui rush, aerosmith e mais diversas bandas de hard rock, que possuíam guitarras abusando das pentatônicas e vocal rasgado e agudo.

    Eles não são o Led Zeppelin moderno, eles são o Greta Van Fleet.

  • LeiaMaisSuaAnta

    Não existe ser humano original, somos história e existência (Jean Paul Sartre), um mix uns dos outros. Inspiração clara não é cópia. Os meninos são ótimos músicos e em ascensão técnica, tem presença e postura de palco e prezam pela música. Podiam ter feito um disco de pop porcaria pra vender ou algo regional/brega. Optaram pelo rock clássico com influências (como não podia deixar de ser) do blues e do folk. Long live to rock’n roll! Meninos, continuem buscando sua sonoridade e evolução técnica sempre fiéis aos seus princípios o mundo carente de boa música agradece.